Pesquisa de RP Digital – algumas teorias


Ontem participei da reunião de apresentação dos dados de uma pesquisa que o Grupo de RP Digital da Abracom realizou com profissionais do mercado de comunicação. A discussão foi, talvez, uma das mais produtivas entre todos os encontros. O estudo está finalizado, só precisamos dar mais uma revisada para levá-lo de vez ao mercado. Apesar disso, já é possível transmitir parte do que conversamos por lá.

Só para pontuar: aplicamos 20 questões para 191 profissionais de 61 diferentes agências, entre atendentes, redatores, coordenadores, gerentes, diretores e sócios: 85% dos entrevistados possuem menos de 40 anos. Veja algumas outras informações:

1 – No período em que o estudo foi realizado, o Twitter ainda não tinha virado a febre dos últimos meses (o levantamento foi realizado em fevereiro, quando a ferramenta ainda não tinha se disseminado tanto no Brasil). Por essa razão, ele pouco aparece na pesquisa;

2 – Ainda há – e isso foi um consenso geral dos participantes – receio por parte das empresas (clientes das agências) em relação a esse turbilhão de novas redes, conceitos e estratégias. A enxurrada de matérias sobre o tema, entretanto, vem ajudando a “chancelar” e sensibilizar, para os clientes, a importância desse tipo de comunicação;

3 – Aliás, entre os participantes, também ficou clara a apreensão das empresas em relação não só à falta de controle da informação, típica das redes sociais, mas sobre os processos de transparência necessários para participar dessas conversas digitais;

4 – Há algumas distorções nas respostas quando são feitos cruzamentos de algumas conclusões, o que pode demonstrar falta de conhecimento sobre ferramentas e mercado;

5 – A comunicação digital ainda tem um viés muito mais promocional (uso das redes sociais para propaganda e publicidade) do que de relações públicas;

Enfim, por enquanto é isso. Em breve, divulgo aqui os resultados completos.

5 thoughts on “Pesquisa de RP Digital – algumas teorias

  1. Oi Edu.
    Nâo consegui ir a reunião, mas tenho acompnhado as discussões e a pesquisa. Obrigado, primeiramente, por dividir o que aconteceu nesse encontro. Acho que essa pesquisa tem que acontecer com frequência, pois, como você mesmo disse, uma mídia tão importante hoje no Brasil não estava tão forte no momento da pesquisa.

    Acho que esses dados apurados servem, não só para orientar a direção do grupo de estudo, mas, sim, também para orientar os executivos que estão na batalha pela causa por quais caminhos a navegar.

    Obrigado.

    Abs, Edu

  2. Oi Edu, parabéns pela conclusão da pesquisa. Tão bom fechar ciclos para começar de vez a montar este coletivo pensante!
    eu voto num boteco pra dar continuidade as novas ações já que elas são mais formais…e será que existe boteco pra fumante?

  3. Ceila, valeu pela força. Você também faz parte disso. Provavelmente a próxima reunião será num boteco na Pompéia. Alguma sugestão?

    Eduardo, tudo bem? Obrigado pela visita e por acompanhar o grupo. Vamos tentar manter uma boa frequencia neste tipo de levantamento de dados. Esperamos você na próxima reunião.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s