Continha e reflexão


Quem não gosta de ter criatividade no momento de preparar um texto? Não é uma delícia ler uma reportagem, um livro, uma revista com parágrafos leves, engraçados, interessantes? Essa, afinal, deveria ser a meta de qualquer um que se proponha a escrever. O espaço para textos quadrados está diminuindo, mas a objetividade ainda é condição primordial. O problema é quando o tiro sai pela culatra. Querem ver um exemplo? Recebi um release exatamente com esse título e resumo:

Amor à jato!
Deseje 3+3+5+4+9 3+4+2 3+6+7 6+2+6+6+7+2+3+6+7

Preciso comentar?

E quando a “criatividade” chega ao release em si. Confesso que sou chegado em um nariz de cera. Se pegarem minhas matérias perceberão que uso o recurso em quase todas elas, especialmente naquelas grandes, de 12, 13 páginas. Mas há um limite para isso também não? Então vejam o primeiro parágrafo de um release que um amigo mandou:

Mais do que uma mistura de gases presente na atmosfera da Terra, o ar é extremamente vital para a vida humana e para compreendermos o tamanho de sua importância, basta tentar prender a respiração por alguns instantes. A sensação de sufoco logo nos remeterá a uma conclusão: é impossível viver sem o ar.

Anúncios

Um comentário em “Continha e reflexão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s