Mais trabalho


Sei que estou enchendo o saco com essa história de blogs pra lá, blogs pra cá. Queria somente compartilhar mais uma coisa. Já repararam que estão arrumando mais trabalho para o pessoal de redação. Os blogs de publicações viraram moda. A redação de tecnologia do UOL tem, a Info Exame tem, a nova versão do IDGNow! também, entre diversos outros que eu poderia citar. Não bastasse a quantidade de trabalho que temos ainda precisamos atualizar os blogs de redação. Vou colocar abaixo alguns trechos de entrevistas que fiz com algumas figuras de comunicação sobre os blogs:

“Acho que a credibilidade (dos blogs) vem também muito associada ao autor, onde essa pessoa está vinculada e o tipo de assunto que está sendo tratado (quanto mais profissional, pertinente, mais os próprios blogueiros vão dar crédito). O que está acontecendo no Brasil, que é bem coisa daqui, é o fato da tendência de glamorizarem o blog como se fosse a última coisa da vida – ou você tem ou está morto. As empresas de mídia acham que, por conta desse glamour, precisam ter blogs e estão desvirtuando as características como autonomia, independência, etc.”
Beth Saad, professora titular do departamento de jornalismo e editoração da ECA-USP, pesquisadora e consultora na área de comunicação digital.

“Os blogs têm tido uma importância crescente nos dias de hoje. Mas é como tudo na vida. Só serão levados a sério aqueles que souberem aliar, no espectro jornalístico, credibilidade, criatividade e acesso às fontes. Os demais podem até sobreviver, mais como diário ou um bate-papo entre amigos. Não creio que sejam uma ameaça aos jornais, mas um elemento agregador. Veja o caso do Blog do Noblat, que acabou indo para o Estadão. Quando os jornais querem, resolvem.”
José Paulo Lanyi, colunista do portal Comunique-se, jornalista e integrante da equipe fundadora da allTV – uma das primeiras emissoras via web.

“O blog não chega a ser um concorrente direto do jornal, mas pode ser uma leitura alternativa. Alguns jornais, agregam blogs aos seus sites e fazem muito bem, incorporam valor da marca ao blog hospedado. Os blogs estão crescendo no mundo inteiro. Não todos, só aqueles que ganharam ou construíram uma credibilidade sólida diante do seu leitor. Isso também ainda vai adiante. Estamos vivendo a febre dos blogs, mas não vivemos as febres dos podcasts, nem dos TVCasts. Já existem experiências nos Estados Unidos de TV colaborativa.”
Luiz Egypto, editor-chefe do Observatório da Imprensa.

Anúncios

6 comentários em “Mais trabalho

  1. Trabalho, trabalho…

    Ser jornalista às vezes é fogo e complementar as funções com um blog é pior ainda.

    Por outro lado, pode ser que venha um dia em que essa história de blogs gere algum dinheiro. Sabe-se lá como.

  2. ontem comentei com um amigo meu que está fazendo jornalismo porque tem dificuldade de escrever. Ele perguntou para mim como eu escrevia tão facilmente? Eu falei que de tanto escrever sobre coisas áridas como finanças e TI, o texto de um blog é leve, é relaxante. Que no blog eu escreia facilmente, mas no site da revista, por exemplo, as vezes eu pensava.
    Acho que o blog é uma forma de libertação de estilo e ideologia (se é que ela existe) de um jornalista. Simples é escrever sobre um jornalista em começo de carreira que sou. É minha vivência e é só colocar no papel, ou melho, no editor de texto.

  3. Concordo com o Egypto, o blog é uma leitura alternativa e um meio ainda em processo de reconhecimento como meio de comunicação.
    Eu tenho, gosto, mas não acredito em tudo que leio.

  4. Com certeza o valor da autoria vai continuar como fator diferencial, de status, para o blog e o que seja o espaço.
    Vale lembrar que o autor se estabelece por seu trabalho em qualquer meio. Os conhecidos no impresso, assim que se adaptam, levam sua experiência…. e nome.
    Mas com certeza ética, responsabilidade ainda é igual a canja de galinha: não faz mal a ninguém.
    ricardo britto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s