Ménage à trois


Pô, sacanagem! Achei que já era alguma proposta para um ménage à trois, mas era apenas um release. E vejam queee release. Vou colocar tuuuuuuuuuuuudo!!! Hehehehehheh

Atenção, alterei os nomes para não gerar constrangimento.



Título do release: Disfunções Sexuais, uma solução a três

Olho: Agora homens e mulheres insatisfeitos ou com problemas em seus órgãos genitais podem buscar uma parceira inédita no Brasil

Texto – tive de deixar inteiro. Há muito eu não pegava uma pérola como essa:

O cirurgião plástico Dr. Timetio Dedo, especializado em plástica da intimidade feminina e a Clínica Voticatá, dirigida pela empresária Nelia Vou Por, representante no Brasil do aparelho extensor peniano Super Jeba, desenvolveram esta parceria, a fim de solucionar os problemas genitais, sendo esta uma excelente opção de tratamento para homens e mulheres insatisfeitos e de “mau com a vida”.

É notório que a insatisfação com a genitália, tanto masculina quanto feminina, levam a uma diminuição no prazer sexual, disfunções sexuais e problemas psicológicos que podem interferir na vida social do ser humano, auto-aceitação, isolamento social e medo de se relacionar sexualmente.

Desde a mais remota antiguidade, o homem se preocupa com o tamanho do pênis. Afinal, o pênis sempre teve muita importância, conforme podemos ver em relíquias egípcias, gregas e romanas. Ao longo da história, são inúmeros as culturas que nos legaram uma verdadeira constelação de pinturas, esculturas e mitos com pênis avantajados, tanto em comprimento como em grossura. Os antigos gregos, por exemplo, veneravam o Deus Príapo, com seu enorme falo, sempre ereto, símbolo da fertilidade.

A psicologia moderna tem como certo que o pênis é a peça fundamental da sexualidade masculina, a ponto de ser comum o dito “O homem é o seu pênis”. Portanto, é natural que atualmente o homem continue a ter preocupações com o tamanho do pênis.

Embora 12cm em ereção sejam suficientes para o ato sexual, todos os homens sentem-se melhor com o pênis grande. No entanto, existem aqueles com uma enorme insatisfação pessoal. Esses geralmente possuem um órgão normal, mas consideram seu pênis pequeno, fino ou curto. E, em alguns casos, o complexo é tão grande que os homens chegam a ter relação sexual somente no escuro, não usam sunga e não freqüentam banheiros públicos.

Nestes casos, técnicas como a fisioterapia com equipamentos e as cirurgias para o aumento peniano são utilizadas, desde o início do século passado em todo o mundo. O que muitos não sabem é que há métodos efetivos para o aumento do pênis e, hoje em dia só não resolve este problema quem não quer.

Nestes casos, o método indicado e utilizado é o aparelho extensor peniano Super Jeba. Este aparelho foi criado pelo cirurgião plástico dinamarquês Johan Croque há dez anos e foi aprovado pelos Ministérios da Saúde da Comunidade Européia após diversos testes que comprovaram a sua eficiência e isenção de riscos ou efeitos colaterais.

No Brasil, o aparelho é representado pela clínica Voticatá Cirurgias Plásticas, Estéticas e Andrologia dirigida pela proprietária Nelia Vou Por, que montou a clínica com o objetivo de ajudar os homens que sofrem com estes problemas e está devidamente registrado no Ministério da Saúde desde o dia 06 de Outubro de 2000.

“Com os anos de experiência, temos bem claro que o que o homem procura é bem parecido com o que a mulher busca quando decide aumentar ou diminuir o tamanho das mamas ou quando decide corrigir o tamanho do nariz ou das orelhas e isto é o bem estar físico, social e principalmente o bem estar psíquico. Este ao nosso ver é o cerne da questão, o homem que procura aumentar as dimensões do seu pênis está procurando satisfação com a própria imagem e o aumento da sua autoestima” afirma Nelia Vou Por.

As técnicas operatórias existentes hoje em dia ou as técnicas de fisioterapia com esta finalidade de aumento do tamanho do pênis já chega em comprimento, em ereção ou flacidez ou o aumento da grossura, apenas colocam a ciência médica a serviço do homem cuja finalidade é o benefício da sua saúde sexual.

A principal preocupação dos homens que procuram informação para o tratamento do pênis – Disfunção Sexual Masculina de Estética – é em relação ao tamanho do pênis flácido, o que demonstra uma preocupação em relação ao aspecto social de convivência diária que vai desde o volume que a genitália faz nas roupas do dia-a-dia, passando pelo uso de banheiros públicos, vestiários coletivos, prática de esportes, assim como nos momentos que antecedem ou sucedem o ato sexual, em que o pênis está em flacidez.

Por outro lado, as mulheres também sofrem com problemas em seus genitais, causando muitas vezes retração durante o ato sexual e podendo levar a frigidez por alterações funcionais, estéticas ou ambas ao mesmo tempo, o que é mais comum.

Os lábios muito grandes bem como o alargamento vaginal atrapalha mecanicamente a relação sexual enquanto as outras agem por ação psicogênica, que está estruturalmente relacionada a diminuição da autoestima, que por um mecanismo de feedback, diminui a libido e muitas vezes impede o coito.

É interessante que as disfunções sexuais são mais comuns em mulheres (60%) do que nos homens (35%) e isso se deve a um processo educacional machista e mais repressor sobre as mulheres que sobre os homens. Sua correção é feita através de uma pequena cirurgia, com anestesia local, sem qualquer risco, sem deixar cicatrizes aparentes e sem perder a sensibilidade.

Pensando nisso, a Clínica Voticatá vem beneficiar os seus pacientes com a possibilidade de, disporem de diferentes especialistas que podem em uma única consulta, diagnosticar e muitas vezes orientar a melhor forma de tratamento aos pacientes.

ANÁLISE – essa eu vou até comentar com calma

1) Não se esqueçam que eu sou jornalista especializado em tecnologia ligada a negócios e relacionamento com o cliente, portanto, tudo a ver esse texto com o perfil das publicações para as quais trabalho;

2) Alguns dos parágrafos não fazem o menor sentido, não possuem conexão alguma e poderiam muito bem ser eliminados;

3) Sinceramente, com um texto desse tamanho, a assessoria realmente acredita que alguém ia parar para ler? O Pérolas com certeza parou. Além do mais – não me recordo – é capaz do (a) assessor (a) ter ligado para fazer follow;

4) Alguém entendeu realmente o que o texto quer dizer e qual a relação da tal clínica???? Quem é o cliente? A clínica, o aparelho, o pênis, a vagina, o dinamarquês????

5) Quem aprovou um texto desses? A dona da clínica? É possível perceber que ela entende bastante de comunicação;

6) O resto, deixo com vocês. É só comentar o que acharam do texto.

Anúncios

2 comentários em “Ménage à trois

  1. Quanto mais horroroso melhor, essa é lógica, não é? Então, esse é o blog! Também costumo me deparar com textos de assessorias perolados. Gostei muito da idéia.
    Abraços

  2. Cara, incrível como tem pessoas que escrevem besteira, estava navegando na net e acabei de chegar a este site, devemos divulgar isso quem sabe, as pessoas passarão a pensar antes de escrever!

    soft_man

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s